Sopa de ovo asiática

Gostamos mesmo muito das sopas chinesas cá por casa. São simples e super saborosas!!
Pena que a pequena não aprecia…
Queria experimentar a sopa de ovo e foi um destes dias em que estava frio. Aquece até a alma… Tão boa 🙂
_DSC4902

Ingredientes:
1 colh sopa oleo sesamo
3 dentes alho picados
1 colh sopa raíz gengibre ralado
4 copos de caldo frango
150 gr cogumelos shitake
1 colh sopa amido milho
2 colh sopa molho soja
1 perna frango cozida e desfiada
2 ovos batidos
1 cebolo
_DSC4906
Preparação:
Aqueça o oleo de sesamo num tacho largo. Junte o alho e o gengibre e deixe cozinhar, mexendo frequentemente,até soltar aroma.
Juntar o caldo de frango, cogumelos em fatias, o frango, o cebolo em fatias e o molho soja e 4 copos de água. Deixe ferver.
Retire um pouco de caldo e dissolva o amido. Misture na sopa baixe o lume e deixe ferver até os cogumelos até ficarem moles, cerca de 10 min, rectifique o tempero.
Envolva os ovos batidos, mexendo sempre e apague o lume e sirva logo.

Sopa de miso com algas Misoshiru

Quando publiquei esta sopa de miso na página do facebook, a seguidora Alzira teve a amabilidade de enviar esta receita do livro “o segredo de okinawa”.
Já gostei mais desta sopa! Fui ao celeiro buscar as algas que me faltavam e meti mãos à obra!_DSC4091

Ingredientes:
60 gr tofu
8 cogumels shitake secos
1 alho-francês
1 grande folha de alga kombu
5 gr algas wakamé
4 colh sopa pasta miso

Preparação:
Mergulhe os cogumelos durante 30 minutos em 20 cl de água morna, para os re-hidratar.
Coloque o kombu numa caçarola com 80 cl de água, leve a ferver e desligar o lume. Deixe macerar durante 20 minutos.
Lave o wakamé e corte-os em tiras finas. Lave o alho-francês e corte a sua parte branca em rodelas. Corte o tofu em pequenos cubos. Dissolva o miso numa concha do caldo de kombu.
Escorra os cogumelos, corte-os finamente e deite a sua água de imersão na caçarola. Retire o kombu, mantenha o caldo em lume brando e acrescente o alho-francês, o wakamé, os cogumelos, o tofu e, finalmente, o miso. Deixe aquecer 3 a 4 minutos, sem ferver.
Reparta por 4 taças aguarde até que o miso decante e sirva de imediato.

Notas do chefe:
Uma vez a pasta de miso incorporada no caldo, este não deve ferver mais. O miso perderia o seu sabor particular para se tornar bastante amargo.
A sopa típica de Okinawa, como aliás de todo o Japão. Pode ser igualmente guarnecida com legumes ou mesmo com algumas massas de arroz, mas nunca constitui uma refeição em si e deve permanecer ligeira.

Sopa miso

O meu irmão foi a primeira pessoa a falar-me na sopa de miso.
Andava curiosa há imenso tempo, um destes dias encontrei e comprei o dito miso.
Andei a pesquisar pela net, descobri que o miso tem propriedades muito boas para o nosso organismo. Descobri também que não pode ferver, pois com a fervura perde essas propriedades, ou seja se sobrar sopa não podem ferver, ou então acrescentem só no prato.
Eu confesso que não me encheu as medidas, o mano diz que não devo ter acertado na quantidade que coloquei, balanceando sempre com o molho de soja. É um sabor salgado, mas ao mesmo tempo um pouco ácido.
Bem, eu estou pronta para testar de novo, e apesar de não ter enchido as minhas medidas, o maridão gostou bastante. Cá fica a receita._DSC3932
Ingredientes:
1 colh sopa azeite
3 dentes alho picados
1 colh sopa raíz gengibre ralado
4 copos de caldo frango
150 gr cogumelos shitake
rebentos de bambu q.b.
3 colh sopa molho soja
3 colh chá miso
noodles de arroz (vermicelli) ou outra massa
2 colh sopa cebolinho picado
_DSC3935
Preparação:
Aqueça o oleo de sesamo num tacho largo. Junte o alho e o gengibre e deixe cozinhar, mexendo frequentemente,até soltar aroma.
Juntar o caldo de frango, cogumelos, molho soja e 4 copos de água.
Deixe ferver. Depois baixe o lume e deixe cozinhar os cogumelos e os rebentos de bambu até ficarem moles, cerca de 10 min, rectifique o tempero. Juntar os noodles e o cebolinho e cozinhe uns minutos até a massa estar cozinhada.
Numa tigela misture o miso com um pouco de sopa e dissolva.
Retire a sopa do lume e envolva o miso. Sirva bem quente.

Ramen de shitake, tofu e camarão

Depois da primeira sopa asiática já saíram várias cá em casa. É tão simples e tão rápido de fazer.. Reconforta a barriguinha e a alma 🙂
Esta ficou bem boa!!_DSC3534

Ingredientes:
1 colh sopa azeite
3+1 dentes alho picados
1 colh sopa raíz gengibre ralado
4 copos de caldo frango
150 gr cogumelos shitake
1/2 alho francês
3/4 colh sopa molho soja
2 pacotes noodles (+/-170 gr)
1/2 emb miolo camarão Pescanova
tofu
ovo escalfado_DSC3537

Preparação:
Aqueça o azeite num tacho largo. Junte o alho e o gengibre e deixe cozinhar, mexendo frequentemente,até soltar aroma.
Juntar o caldo de frango, cogumelos, o alho francês, molho soja e 4 copos de água.
Deixe ferver. Depois baixe o lume e deixe cozinhar os cogumelos até ficarem moles, cerca de 10 min, rectifique o tempero.
Saltear os camarões num fio de azeite e um dente de alho picado. Escalfar o ovo.
Juntar os noodles e cozinhe uns minutos até a massa estar cozinhada.
Sirva quente com ovo, os camarões e o tofu cortado em pedaços.

Ramen homemade

Adoramos sopas asiáticas cá por casa.
Andava há imenso tempo para experimentar e foi desta.
Escolhi esta receita, que me pareceu uma delícia e não me enganei!! Ficou tão mas tão boa 🙂
Uma sopa que demora menos de 30 minutos do início da preparação até estar prontinha a comer!!! Fast food com qualidade 🙂_DSC3513

Ingredientes:
1 colh sopa oleo sesamo
3 dentes alho picados
1 colh sopa raíz gengibre ralado
4 copos de caldo frango
150 gr cogumelos shitake
3/4 colh sopa molho soja
2 pacotes noodles (+/-170 gr)
80 gr folhas espinafre baby
1 cenoura, ralada
2 colh sopa cebolinho picado
ovo cozido
_DSC3516
Preparação:
Aqueça o oleo de sesamo num tacho largo. Junte o alho e o gengibre e deixe cozinhar, mexendo frequentemente,até soltar aroma.
Juntar o caldo de frango, cogumelos, molho soja e 4 copos de água.
Deixe ferver. Depois baixe o lume e deixe cozinhar os cogumelos até ficarem moles, cerca de 10 min, rectifique o tempero. Juntar os noodles, os espinafres cortados em pedaços, a cenoura e o cebolinho e cozinhe uns minutos até a massa estar cozinhada.
Sirva quente com ovo cozido.

Creme de courgette

Cá por casa gostamos bastante de experimentar estes cremes. A minha filha adora e, sendo ela uma esquisita com os legumes, come os cremes sem reclamar.
A minha colega T experimentou e aconselhou-me a testar. De facto é um creme surpreendentemente apetitoso!! Como se refogam as courgettes com o alho, o sabor é maravilhoso!!_DSC1598

Ingredientes:
3 dentes de alho
3 courgettes com casca
azeite q.b.
água
sal

Preparação:
Lavar e cortar em pedaços as courgettes.
Coloque no copo os dentes de alho descascados e pique 5 seg / vel 5. Junte os pedaços de courgette e programe 5 min / vel 1 / temp varoma.  Junte água até mal cobrir as courgettes e programe 25 min / vel 1 / temp. 100º C. No final triture a sopa cerca de 1 min, nas vel 3/5/7 progressivamente.

Sopa de ervilhas c/ alface e ovo escalfado

Eu não gosto nada de ervilhas, mas o meu marido adora!!! Andava a pedir-me há imenso tempo para lhe fazer uma sopa de ervilhas.
Optei por uma que encontrei na revista do pingo doce, e como leva coisinhas boas por cima pensei que ia disfarçar o sabor das ervilhas.
A pequena adorou, o marido também já eu… sabe demasiado a ervilhas… é um defeito meu de fabrico ;)._DSC1326

Ingredientes:
60 gr bacon
4 colh sopa azeite
225 gr cebola picada
375 gr courgette
sal
600 gr ervilhas congeladas
1 alface (225 gr)
1 molho coentros frescos
6 ovos
2 colh sopa vinagre
150 gr croutons azeite e alho (fiz na actifry)
pimenta moída

Preparação:
Corte o bacon em cubos e frite-os numa panela com 1 colh sopa azeite até estarem bem dourados. Retire o bacon para outro recipiente e deite o restante azeite na panela. Junte a cebola e a courgette em cubos, tempere com sal, tape e deixe cozinhar em lume brando cerca de 10 min. Adicione as ervilhas e a alface, misture bem e volte a tapar a panela. Quando as ervilhas estiverem tenras, adicione água a ferver até cobrir os legumes e, em seguida, triture muito bem a sopa (eu passei-a no coador). Retire do lume, adicione uma mão-cheia de folhas de coentros (reserve alguns para decoração) e volte a triturar rapidamente.
Escalfe os ovos, um a um, num tacho com água a ferver, suavemente, temperada com sal e o vinagre.
Distribua a sopa pelos pratos, salpique com o bacon e, por cima, coloque os ovos escalfados. Enfeite com as folhas de coentros e acompanhe com os croutons. Salpique com pimenta.

Sopa alentejana

Ando numa de sopas alentejanas…. Confesso que acho os alentejanos uns génios da culinária… Como é possível que uma sopa feita com alho, coentros e azeite seja tãoooo boa? 🙂
Saiu maravilhosa!!
A ideia saiu de uma mulher moderna, mas acabei por fazer como fiz a sopa de cação!!_DSC0165

Ingredientes (4 pess):
1,2 lt água
4 ovos
pão alentejano
1 molho coentros
4 dentes alho
azeite
sal q.b._DSC0173

Preparação:
Colocar azeite numa panela, juntar o alho laminado e os coentros picados e deixar refogar durante 2 a 3 min. Juntar a água, tapar e deixar cozer 20 min.
Leve uma panela ao lume com água e sal e deixe ferver. Reduza o lume e escalfe os ovos. Retire-os e passe-os por água fria.
Corte o pão em pedaços e distribua-os por 4 pratos, coloque os ovos e cubra com a sopa e servir.

Sopa de São Martinho

Andamos a comer bastante mais sopa cá por casa. Sabe bem e faz bem 🙂
Esta sopa vinha numa revista do Pingo Doce, e resultou numa sopa mesmo apetitosa!!!
Aprovada!!
_DSC9627
Ingredientes:
1 cebola
1 alho-francês
3 colh sopa azeite
250g castanhas congeladas
1 colh sobr sal
250g cogumelos Portobello
1.5l água
q.b. pimenta preta de moinho

Preparação:
Descasque a cebola e corte-a em lâminas finas. Corte o alho-francês em rodelas, lave e escorra.
Coloque tudo numa panela e leve ao lume com azeite e as castanhas congeladas. Salpique com uma colher de sobremesa de sal, tape e deixe suar sobre lume muito brando.
Entretanto, limpe os cogumelos, reserve quatro, se forem pequenos, ou dois, se forem médios, e pique os restantes em pedaços. Ponha-os na panela, mexa e deixe cozinhar, tapados, até estarem moles. Regue com a água a ferver e continue a cozer durante mais 30 minutos ou até as castanhas começarem a desfazer-se.
Triture a sopa com a varinha mágica, rectifique os temperos e a água, se achar que está demasiado espessa. Tempere com um pouco de pimenta moída na altura.
Corte os cogumelos reservados em lâminas finas e pique finamente as pétalas de tomate.
Distribua a sopa pelos pratos de servir ou taças e no centro coloque lâminas de cogumelos

Sopa de cação à alentejana

Adoramos sopa de cação. Nunca tinha feito, imaginava que era difícil… até pode ter sido sorte de principiante mas ficou fantástica.
Inspirei-me neste vídeo, e a senhora sabe bem o que faz!!!
Andava à procura de cação há imenso tempo, encontrei no pingo doce um destes dias e nem pensei 2 vezes.
Experimentem, é uma delícia_DSC9583

Ingredientes (3 a 4 pess) :
2 postas cação (cerca de 600 gr)
1,5 lt água
1/2 cabeça alhos
1 molho coentros
azeite
sal q.b.
pão alentejano
vinagre q.b.
farinha q.b.
_DSC9577
Colocar azeite numa panela, juntar o alho laminado e os coentros picados e deixar refogar durante 2 a 3 min.
Juntar as postas de peixe, mexer um pouco para não deixar pegar. Juntar o sal e deixar o peixe ganhar cor de ambos os lados.
Juntar a água, tapar e deixar cozer 20 min.
Numa tigela juntar um pouco de água, farinha e vinagre e mexer para envolver bem.
Juntar ao tacho e deixar levantar fervura.
Colocar fatias de pão no fundo de uma tigela, cobrir com a sopa e servir.

Sopa de espinafres e cogumelos

Tenho tentado fazer sopa todas as semanas. É uma forma de comermos legumes, e a pequena come sem reclamar.
Esta sopa ficou bem boa 🙂
_DSC9060
Ingredientes:
500 gr batatas
2 cebolas
4 dentes alho
2 cenouras
1 alho-francês
150 gr cogumelos
azeite
sal q.b.
folhas espinafres q.b.

Preparação:
Descasque, lave e corte as batatas, cenouras, cebolas, 2 dentes de alho e alho francês para uma panela. Cubra com água, tempere com sal e leve a cozer em lume brando até os legumes estarem cozidos. Triture bem a sopa. Rectifique tempero e leve de novo ao lume com os espinafres em lume brando, por cerca de 10 min.
Entretanto limpe e lamine os cogumelos  e salteie-os em azeite e alho picado. Tempere com sal e retire. Envolva-os na sopa e sirva.

Sopa de legumes c/ espinafres, massinha e ovo cozido

Tenho tentado fazer sopa todas as semanas. Além de saber muito bem com o tempo mais frio, faz bem e é a melhor maneira da minha pequena comer legumes sem reclamar.
Tudo passadinho e ela não reclama.
_DSC8957
Ingredientes:
3 batatas médias
3 cenouras
1/2 cebola
feijão verde q.b.
água
espinafres
ovo cozido
massinha pevide

Preparação:
Descascar os legumes e lavar. Colocar numa panela (excepto os espinafres), cubra com água e leve a cozer até os legumes estarem tenros.
Passar tudo com a varinha mágica, juntar os espinafres e a massa e deixar cozer mais 10 min, mexendo frequentemente para a massa não pegar.
Servir com ovo cozido picado por cima.

Creme de beterraba parte II

Gostamos muito de creme de beterraba cá por casa.
A receita que costumo usar é esta, mas decidir experimentar outra. Decidi-me por esta, mas honestamente o resultado final é praticamente igual. O sabor da beterraba é tão forte, que acaba por não se sentir mais nada.
Gostámos portanto, e como não leva batata, suponho que seja mais light 🙂
_DSC8814

Ingredientes:
1 cebola
2 dentes alho
azeite
200 gr alho-francês em rodelas
sal
400gr couve-flor
3 beterrabas cozidas
1,5 Lt água
100 gr queijo feta
pimenta preta moída na altura
vinagre framboesa

Preparação:
Descasque a cebola, pique-a e leve ao lume numa panela com a Vaqueiro Alho. Junte o alho francês e salpique com uma pouco de sal. Tape a panela e deixe cozinhar sobre lume muito brando.
Entretanto lave a couve-flor, separe-a em raminhos e pique finamente os talos mais grossos. Junte aos restantes legumes, mexa e deixe cozinhar tapado até os legumes estarem tenros.
Junte 2 das beterrabas, cortadas em pedaços, e seu liquido. Adicione a água a ferver e triture muito bem a sopa. Rectifique o sal se for necessário e se quiser uma textura mais cremosa passe a sopa através do coador chinês.
Distribua a sopa pelas taças de serviço e no centro coloque um pouco de queijo

Creme de cogumelos, batata doce e alho-francês

Tento fazer uma sopa por semana, pelo menos. É a maneira mais simples da pequena comer legumes sem reclamar.
Já tenho um creme de cogumelos por aqui, mas andei à procura de um novo para testar. Vi este na cozinha da minha amiga Duxa e gostei da ideia da batata doce. Tive de a experimentar e é realmente fantástica!!
Aprovadíssima por todos cá por casa, muito obrigado minha querida pela inspiração e desculpa-me mas até o texto fui copiar 🙂
_DSC8712

Ingrediente:
1 alho francês ( só a parte branca)
300 g cogumelos
1 batata doce ( +/- 300g)
1 cebola pequena
4 dentes alho
1 fatia bacon cortado em cubinhos
1 caldo knorr
1 fio azeite
1 colh chá manteiga
pimenta moída na altura q.b.
1200 ml água

Preparação:
Lavar e arranjar os cogumelos e o alho francês. Reserve 3 ou 4 cogumelos.
Colocar dentro de um tachinho o fio de azeite, com o bacon, os alhos picados, a cebola picada, a batata doce descascada e cortada em rodelas, parte dos cogumelos laminados e o alho-francês também cortado em rodelas. Deixar refogar por breves minutos. Adicionar 1200 ml de água com o caldo de legumes, mexa e deixa cozinhar cerca de 15 minutos.
À parte numa frigideira, coloque a colher de manteiga,  junte os cogumelos ( previamente laminados) que reservou no início, deixe que cozinhem e libertem a água toda, assim que secarem desligue o lume.
Triture  muito bem o que está dentro do tacho até obter uma textura aveludada, tempere com um pouco de pimenta moída na altura, adicione os cogumelos da frigideira.

Creme de cogumelos portobelo

Andava há imenso tempo para fazer creme de cogumelos. Tínhamos comido numa festa, e ficámos fãs.
Em conversa com a minha amiga T, falámos no creme, ela testou a receita base do livro da bimby e disse-me que era óptima. Ora lá vim eu para casa, testar.
Só tinha 1 embalagem de cogumelos, só pude fazer 1/2 receita, mas arrependi-me!!! Vale bem a pena. Ficou deliciosa 🙂 Aprovada pelas cobaias!!!
_DSC8041
Ingredientes:
200 gr cogumelos portobelo (era o que tinha em casa)
15 gr azeite
300 gr água
150 gr leite
50 gr natas
100 gr cebolas
25 gr farinha
1/2 caldo knorr de frango
sumo de 1/4 de limão
sal e pimenta q.b.

Preparação:
Lave e arranje metade dos cogumelos, separando o  pé do chapéu e laminando este último.
Coloque os cogumelos laminados no cesto e deite umas pingas de sumo de limão para que não oxidem enquanto aguardam cozedura.
Deite no copo a outra metade dos cogumelos mais os pés dos cogumelos que laminou, o sumo de limão, o azeite e as cebolas e pique 8 seg / vel. 5. Seguidamente, programe 5 min / temp 100 / vel 1/2, para estufar a cebola. Quando terminar este tempo acrescente a farinha e deixe cozer 3 min / temp 100 / vel 3. Adicione a água, o sal e o caldo e programe 3 min / temp varoma, vel 3 e em seguida bata 40 seg / vel 7 (segurando no copinho, nos primeiros segundos de bater) para que fique um creme homogéneo.
Introduza o cesto com os cogumelos reservados e programe 6 min / temp 100 / vel 4. Por fim adicione o leite, as natas, a pimenta, rectifique o sal e programe 5 min / temp 90º / vel 2. Retire o cesto, e deite na terrina os cogumelos e o creme por cima.

Sopa de peixe

Todos adoramos sopa de peixe cá por casa. A pequena então, andava a pedir há imenso tempo.
Foi um destes dias, ao jantar, que lá saiu a dita sopa. Estava bem boa 🙂
_DSC8085
Ingredientes:
40 gr farinha de trigo
300 gr camarão
1 Lt água
1 cebola
150 gr tomate pelado
20 gr azeite
sal e pimenta q.b.
40 gr vinho branco
Preparação:
Torre levemente a farinha numa frigideira em lume baixo, mexendo sempre. Descasque os camarões.
Coza o peixe e reserve a água. Lasque o peixe.
Para o fumet, coloque no copo, as cascas e as cabeças dos camarões, a água de cozer o peixe e programe 8 min / vel 3 / 100º. Coloque o cesto coador numa taça e verta o fumet. Reserve.
Com o copo limpo, coloque a cebola, o tomate e programe 8 seg / vel 5.
Adicione o azeite e programe 10 min / vel 2 / 100ºC.
Junte a farinha torrada e programe 3 min / vel 2 / 100ºC.
Adicione o sal , a pimenta, o vinho, o fumet reservado e programe 20 min / vel 1 / 100ºC.
Quando terminar triture 1 min / vel. 7.
Junte os camarões e o peixe lascado programe 5 min / vel colher inv / 100ºC.

Creme de cenoura c/ espinafres e grão

Contrariamente ao normal no verão, temos comido bastante sopa cá em casa. É leve e prático, acompanha-se com queijo, pão e no final uma fruta e sabe muito bem.
_DSC7784
Ingredientes (4 pess):
500 gr cenoura
200 gr batata
1 cebola
2 dentes de alho
espinafres congelados
1/2 lata grão
azeite
sal

Preparação:
Descascar as cenouras, as batatas, as cebolas e os alhos e cortar tudo em pedaços para dentro de um tacho com um pouco de azeite e deixar saltear um pouco.
Acrescentar água quente até tapar os legumes, temperar com sal e deixar cozer.
Triturar a sopa, juntar os espinafres e o grão e deixar cozer cerca de 10 minutos e servir.

Canja de frango com arroz

No talho onde faço as compras, há sempre frango do campo. Trago 1/2 com os ovinhos e apetece logo fazer uma canja.
A receita não é novidade aqui no blog, mas cá vai a sugestão!!!
Fui experimentar a receita daqui.

_DSC5968

Ingredientes:
1/2 frango do campo (com ovinhos)
1 cebola
2 lt água
sal
150 gr arroz carolino
Hortelã

Preparação:
Coloque o frango, com os ovos na panela de pressão. Junte a cebola e a água. Tempere com sal, feche a panela e leve a cozer durante cerca de 50 minutos.
Depois de ter deixado escapar a pressão da panela, abra-a e retire a galinha e os miúdos. Retire a pele e os ossos ao frango e desfie muito bem. Ponha os ovinhos de lado.
Coe o caldo da cozedura do frango e leve de novo ao lume. Quando ferver junte o arroz e deixe ferver durante 15 minutos. Junte então os ovinhos e parte da carne de galinha desfiada, use a restante para outras preparações como empadas, tartes ou outros recheios. Deixe retomar fervura e sirva a canja com folhinhas de hortelã.

Creme de beterraba c/ queijo feta e manjericão

Já tinha feito esta sopa, mas continua a ser uma das sopas preferidas cá em casa. A minha pequena então adora!!
E tem uma cor tão tentadora, não acham?
Bom fim-de-semana!!

Ingredientes:

500 gr beterraba
300 gr batata
2 cebolas
1 copo de vinho branco
1 litro caldo legumes (fiz c/ knorr de frango)
azeite
vinagre de framboesa
sal
queijo feta q.b.
manjericão q.b.

Preparação:
Picar a cebola em pedaços. Colocar num tacho, junto com um pouco de azeite e deixar alourar.
Descascar as batatas e cortar em pedaços. Cortar a beterraba em pedaços também.
Fazer o caldo de legumes.
Juntar as batatas e a beterraba à cebola, envolver e refrescar com o vinho branco.
Deixar um minuto para evaporar o álcool, juntar o caldo de legumes, temperar com sal e deixar cozer.
No final passa-se a sopa com a varinha mágica, se necessário junta-se água quente. Rectificar o tempero.
Adicionar 2 colh sopa vinagre de framboesa e envolver.
No prato, colocar por cima o queijo feta em pedaços e o manjericão.

Creme de cenoura e espargos c/ topping de amêndoa

Esta receita vem na Mulher moderna na cozinha, e resultou numa sopita bem apetitosa.
Só alterei o topping, e acho que ficou ainda melhor assim 🙂

Ingredientes:
400 gr batatas
500 gr cenouras
2 cebolas
200 gr espargos verdes
2 dentes alho
100 gr alho-francês
1,2 lt água
2 colh sopa azeite
sal e hortelã q.b.
50 gr amêndoa laminada
pimenta preta moída na altura
noz-moscada
1 lima

Preparação:
Descasque e corte os legumes em pedaços. Coloque tudo numa panela, reservando as pontas dos espargos.
Junte a água, sal e hortelã e leve a cozer em lume brando.
Leve as amêndoas ao lume numa frigideira antiaderente e quando estiverem douradas retire-as para uma taça. Leve a frigideira de novo ao lume com um pouco de margarina líquida. Junte as pontas dos espargos e deixe saltear durante breves minutos, mexendo de vez em quando. Tempere com um pouco de sal, pimenta e noz-moscada, moídas na altura. Junte a raspa da da casca da lima e um pouco de sumo. Misture bem, junte as amêndoas e reserve.
Depois dos legumes cozidos, elimine a hortelã e triture a sopa. Passe-a por um passados de rede e regue-a com o azeite. Sirva a sopa com uma colher de “topping de espargos e amêndoa”.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...